FELIPÃO NA SELEÇÃO

Não tem mais bobo no futebol. E espero que também não haja mais entre o torcedor de futebol. O circo acabou e aquilo que era mais óbvio que a continuação da saga Crepusculo enfim se confirmou: Felipão é o novo técnico da seleção.

Reproduzo abaixo uma ponderação que fiz no Grupo de Discussões do Ferozes FC ( https://www.facebook.com/groups/410938200003/ ) na manhã do último sábado (24/11/12).

——————————-

Que o Mano não seria o técnico da seleção na Copa, pra mim era certo. A CBF conseguiu fazer a seleção perder todo o prestígio junto ao povão. Vide o descaso completo no jogo contra a Argentina.

A Copa tá logo ai e se nada fosse feito a galera não parecia mto a fim de abraçar a causa.

Pra mim o Mano sempre foi uma espécie de laranja daquela trupe toda que conhecemos bem. Serviu aos propósitos dessa galera – e de sí próprio, lógico – até onde foi possível e até onde ainda haja chance de resgatar a aura de selecionado de fato nacional da amarelinha.

O fato do Luxa ter assinado um dia antes contrato de 2 anos com o Grêmio, somado então a queda do Mano, me dava a certeza de que seria o Felipao o técnico.

E tanto ele quanto o Muricy, mas mais ainda ele, por ser ainda um personagem que junto a galera traz credibilidade, por ser o último comandante campeão, pelo papo de família Scolari, por ter esse aspecto hoje mais de avôzão do que de paizão, seria a escolha certa (pensando como cebeéfiano) para apagar do dia pra noite toda a podridão escancarada, recuperar o povaço e ainda botar banca de que o planejamento é pensando só no bem da seleça.

Uma ideia sobre “FELIPÃO NA SELEÇÃO”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *