EURO – GRUPO B: NO GRUPO DA MORTE NÃO HÁ ZEBRA

PORTUGAL 2×1 HOLANDA

Kharkiv, Ucrânia

Ao apontar um determinado grupo de Eurocopa ou Copa do Mundo como o grupo da morte, fatalmente está excluída qualquer possibilidade de surpresa.

 

Cristiano Ronaldo desencanta na Eurocopa
Cristiano Ronaldo desencanta na Eurocopa

Para este grupo B do Euro; com Alemanha, Holanda, Portugal e Dinamarca; tal máxima aplica-se quase que totalmente. Sim, quase.

Não, a eliminação da Holanda, vice-campeã do mundo, não chega a ser surpreendente de fato. Sobretudo pela presença de Portugal de Nani e Cristiano Ronaldo. O que foge totalmente à lógica é o time holandês de Bert Van Marwijk sair da competição com três derrotas, ainda que apertadas.

Foi o que mais uma vez aconteceu contra Portugal.

A Holanda mais parecia um time entregue, sem vibração e disposição de buscar o resultado mais honroso, embora tivesse aberto o placar com gol de Rafael van der Vaar aos 11 minutos de jogo.

Ainda que pudesse prejudicar as pretensões portuguesas de classificação, tudo parecia estar sob controle para os lados de Paulo Bento.

Não bastasse a inércia holandesa, Cristiano Ronaldo estava de volta. Não no sentido literal, afinal ele jogara as duas primeiras partidas portuguesas. O bom futebol de CR estava de volta aos gramados, ou melhor, aos relvados europeus, seguindo a rigor o usual do jargão do português original lusitano.

E ele desencantaria aos 28 minutos de jogo. Jetro Williams cederia posse de bola para João Pereira que lançaria o artilheiro que marcaria, superando Luís Figo como máximo artilheiro da Seleção Portuguesa.

No 2º tempo, Cristiano Ronaldo faria belo gol após cortar a marcação e finalizar para o gol.

Vitória lusitana com classificação garantida para as quartas-de-final.

 

DINAMARCA 1×2 ALEMANHA

Lviv, Ucrânia

A Dinamarca bem que tentou. Venceu a Holanda, dificultara a vida de Portugal e voltou a valorizar a vitória de um favorito, mas não conseguiu superar a força e eficiência alemãs e volta para casa, ainda que em situação menos vexatória que a Holanda.

Alemanha 100%

A Alemanha abriria o placar com Lukas Podolski aos 19 minutos de jogo.

Pouco tempo de alegria para os alemães, cinco minutos após Michael Krohn-Dehli empataria para a Dinamarca.

No restante, a Alemanha jogava absolutamente relaxada, enquanto que a Dinamarca ainda alimentava chances de classificação.

O gol da vitória alemã veio com Lars Bender aos 35 minutos dos 2º tempo.

Alemanha classificada com total aproveitamento de três vitórias em três jogos.

 

Classificação:

Além da Alemanha com 9 pontos, Portugal levou a segunda vaga com 6. As eliminadas Dinamarca e Holanda ficaram com 3 e 0 pontos respectivamente.


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *