O “CASCUDO” CHELSEA ESTÁ PERTO DE QUEBRAR MAIS UM PARADIGMA DA BOLA.

O Chelsea venceu o Barcelona no jogo de ida pelas semifinais da Champions League pelo placar mínimo e a pergunta que fica é: Por quê?

Por que futebol não é vôlei, não é basquete e nem badminton. No futebol nem sempre o que mais ataca é mais eficiente. Apesar de o melhor time estar sempre mais próximo da vitória, não necessariamente ele irá vencer sempre.

Chelsea e Barça protagonizaram um jogo de extremos. Um extremamente defensivo, outro super ofensivo. Mas quem foi que disse que o time que mais ataca é necessariamente melhor?

O futebol vive da quebra de paradigmas e o cascudo Chelsea está perto de quebrar mais um.

Não se discute a superioridade barcelonista perante o resto do mundo. Mas no jogo de ontem a defesa dos blues se sobrepôs ao ataque do Barça. Ponto.

Foram no mínimo 6 definições claras do Barcelona contra uma do Chelsea. Duas bolas na trave e outras que pararam nas mãos de Cech. Em uma situação normal a partida terminaria 6X1 para o Barcelona e hoje o jogo não estaria rendendo tanto assunto.

Entendeu a graça?

O Chelsea foi mais eficiente na defesa e – queiram ou não – também no ataque, já que aproveitou a sua chance. Foi letal, foi mortal. Enquanto o Barcelona foi “apenas” espetáculo.

O Barcelona não deu um único chute de fora da área. Nem o Chelsea. Mas os Blues não falharam, o Barça falhou. Messi falhou.

Sim, você acabou de ler isso – “Messi falhou!”

Reveja o gol do Chelsea.

http://www.youtube.com/watch?v=pIHR_EAbr-8&feature=related

Quem se enrola no meio campo e perde a bola é Lionel Messi. A marcação eficiente do Chelsea se deu na faixa de campo onde o argentino atua e lá estava Lampard para dar o bote e desarmá-lo – quem foi que disse que o cara não jogou nada ontem?

O lançamento preciso encontrou Ramirez – o melhor em campo – com uma avenida pela esquerda (onde estava Daniel Alves?), dali a encontrar o 2º melhor do jogo, Drogba, entrando livre na área, foi um passe.

Ramirez anulou Daniel Alves ao longo de todo o cotejo, anulando boa parte do jogo do Barcelona pela direita. Mikel, Lampard e Meireles revezaram na marcação de Messi e contaram também com uma má jornada de Iniesta, Fabregas e Cia. O esquema de Di Matteo conseguiu transformar o Barcelona em um time, digamos, “normal”. Ponto para ele também.

Faltou a Di Matteo um tanto de coragem quando a partir da metade da 2ª etapa o Barcelona passou a atacar e deixar espaços para mais contra – ataques. Caberia Torres no lugar de Mata. Aberto pela direita e inteiro fisicamente, o espanhol poderia ser o arco que faltou para apontar a flecha de Drogba e conseguir algo espetacular e impensado.

Ainda assim a vitória pelo placar mínimo foi ótima. Obriga o Barcelona a ser mais atento defensivamente. Um gol do Chelsea obrigará os donos da casa a marcar 3 gols. Como não dá para imaginar o Barcelona passando em branco atuando em casa, acho bem plausível Di Matteo mandar um Chelsea com dois atacantes e buscando mais o ataque.

O Chelsea está muito vivo e mais próximo do que nunca de voltar a uma final de Champions League.

Quem poderia apostar em algo assim há dois meses?

Futebol é mesmo espetacular.

 

Cheers,


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

2 ideias sobre “O “CASCUDO” CHELSEA ESTÁ PERTO DE QUEBRAR MAIS UM PARADIGMA DA BOLA.”

  1. Davi vs Golias…todos nós sabemos que o Barça é melhor e merece ganhar e blablablá blablablá…mas como somos sempre a favor dos mais fracos e oprimidos, me sinto na obrigação a torcer pro Chelsea! Go Chelsea go!

  2. Que o Barça é melhor, não restam duvidas. Melhor do planeta e isso independe de vencer a Champions. Mas não acho que seja uma questão de se torcer para o mais fraco. O Chelsea fez por merecer a vitória, sua proposta de jogo foi mais eficiente que a do Barça e se vier a se classificar, será com toda a justiça.

    To torcendo por outro grande jogo. Mas como detesto impérios, domínios extensos e cisas do tipo, quero sim que o alguém consiga vencer o Barcelona. Pelo menos esse ano. haha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *