DEL PIERO 700

É antigo e notório debate filosófico indagar se a vida e o futuro consistem em fatos e acontecimentos previamente traçados por algum poder superior dos quais é absolutamente impossível fugir ou se o ser humano constrói sua trajetória a cada segundo que corre no relógio da vida.

Alessandro Del Piero e sua 700ª participação no time da Juventus com gol decisivo

Exercícios mentais abstratos à parte, eis que, às vezes, surge o futebol para pôr abaixo qualquer corrente não experimental (que renega a ideia que para tudo há uma causa pré-determinada) e ratificar o determinismo como algo de fato presente em nossa existência.

Desta vez, o esporte bretão, na sua vertente filosófica, deu as caras em Turim, Itália.

Mais exatamente na partida entre Juventus e Lazio. Embate importante da Série A que colocava frente a frente os líderes anfitriões contra os terceiros colocados da capital que lutam por lugar ao sol da UEFA Champions League da próxima temporada.

Tudo isso porque na terça-feira o maior perseguidor da Juve, o Milan, havia vencido o Chievo Verona por 1×0 no Veneto, sem fazer grande apresentação e graças a chute de longa distância de Sulley Ali Muntari. Resultado que recolocava os rubro-negros na liderança do campeonato.

Tudo isso porque, na sua partida, a Juventus apenas empatava contra a Lazio (gols de Simone Pepe para a Juve e Stefano Mauri para a Lazio).

Até que surge o predestinado.

Antonio Conte, técnico da Juve, lança o veterano Alessandro Del Piero na etapa final.

Falta para os anfitriões aos 38 minutos. E lá estava ele na sua 700ª participação com a camisa da Juve, Alessandro Del Piero, para bater, guardar e garantir o 2×1 e a liderança do time de Turim na Série A.

Delírio no Juventus Stadium, mais uma vez o líder garantia a alegria da parte alvinegra de Piemonte.

Agora a Juventus fica com 68 pontos na liderança e o Milan está com 67 na cola.

 

La Liga

Bem que o Barcelona, a imprensa local e o resto da Catalunha tentaram pôr pressão sobre o arquirrival Real Madrid após grande vitória dos campeões do mundo contra o Getafe no Camp Nou por 4×0.

Esqueceram de avisar Cristiano Ronaldo.

O gajo estava em noite inspirada para o clássico madrilenho contra o Atlético Madrid no Estádio Vicente Calderón.

Os anfitriões renasceram na Espanha com a chegada do argentino Diego Simeone na direção técnica do time.

Só que o Madrid respondeu bem à pressão e o craque português fez 3 gols na vitória merengue por 4×1 fora de casa.

Os 4 pontos de vantagem madridista permanecem. O Madrid sobe para 82 pontos contra os 78 do Barça.

 

Bundesliga

A sensação é que o campeonato acabou em termos de título, já que o líder Borussia Dortmund fez 1×0 no vice-líder Bayern em casa com gol do polonês Robert Lewandowski em grande fase.

Clima de decisão no Iduna Park Stadium e mais de 80 mil fãs estiveram presentes no Estádio de Dortmund para o jogo mais importante do futebol doméstico alemão na temporada.

Dia para Arjen Robben esquecer, já que o holandês teve a chance de empatar a partida em cobrança de penalidade. O goleiro Roman Weldenfeller defendeu cobrança ruim do jogador do Bayern.

Não bastasse o pênalti perdido, Robben perderia nova chance debaixo das traves.

Agora o Dortmund vai a 69 pontos contra os mesmos 63 do Bayern que terá que priorizar a Champions, o que não é pouco, e pensar no Real Madrid. Tudo isso com a ressaca da derrota interna para o maior competidor. Durma com esse barulho Bayern!

 

English Premier League

Parecia que não mais, porém hoje dá para dizer: “temos um campeonato!” na Inglaterra.

Graças ao Wigan, ameaçado de rebaixamento, que aprontou para cima do poderoso Manchester United ao fazer 1×0 em casa.

Para completar o dia negativo dos Red Devils, o arquirrival Manchester City fez 4×0 no West Bromwich em Manchester e reduziu a diferença na classificação para 5 pontos com o confronto da dupla da cidade se aproximando.

Campeonato novamente em aberto pelas terras inglesas.

 

Vida longa e próspera às ligas nacionais!


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *