VIRADA INTERROMPIDA

Encerrada a 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League e o drama dos campeões ingleses do Manchester City só aumenta na competição.

Roberto Mancini tirou satisfações com a arbitragem logo após o final

Na última terça-feira frente ao Ajax, a equipe do técnico italiano Roberto Mancini perdia por 2×0, buscou o empate, mas teve gol anulado e penalidade não assinalada em seu favor, evitando vitória de virada fundamental para a sobrevivência na Champions. Agora as chances dos Citizens são apenas matemáticas.

 

GRUPO D

Manchester City FC 2×2 AFC Ajax

Manchester, Inglaterra

Foi mais um jogo de muitas falhas do City, sobretudo no 1º tempo, que acarretaram em dois gols do Ajax originados em cobranças de escanteio. Ambos os gols marcados por Siem de Jong.

Mario Balotelli sofre pênalti, se joga e o árbitro não marca nada

Tentando pressionar e tendo que lidar com o toque de bola perigoso do Ajax ao mesmo tempo, os Citizens buscaram o empate com Yayá Touré e Sérgio Aguero. E poderiam ter vencido não fossem os erros de arbitragem.

No primeiro lance polêmico, Aguero marcou em lance legal onde, antes da conclusão do atacante, havia sido assinalada jogada realizada em posição fora de jogo. Já nos acréscimos, Mario Balotelli tem a camisa segurada na área, mas o árbitro dinamarquês Peter Rasmussen encerra o jogo e causa revolta nos jogadores e no treinador Mancini.

Balotelli e o momento do pênalti aos 93 minutos de jogo

Para sorte do time, a UEFA informou que os envolvidos não sofrerão punições pelas reclamações pós-jogo.

Prejudicado pelos erros de arbitragem? Sim. Justificativa para o empate? Possivelmente não. O City poderia e pode fazer mais na competição europeia de clubes, ainda que esteja no temido grupo da morte.

 

Real Madrid 2×2 Borussia Dortmund

Madrid, Espanha

Há algo que funciona no jogo do Real Madrid de José Mourinho contra o Borussia Dortmund.

Mario Götze e Ángel Di María

Após justa vitória em casa dos alemães por 2×1, as equipes voltaram a se enfrentar em Madrid e somente por 45 dos 180 minutos jogados os Merengues foram superiores.

Jogar com Arbeloa e Luka Modric revelou-se improdutivo contra o resiliente e confiante Borussia Dortmund de Jürgen Klopp. Mourinho tratou de consertar os erros na 2ª etapa ao promover Callejón e Ricardo Kaká no time.

Mesut Özil bate para marcar de falta em cima da hora

Apesar da pressão, somente nos minutos finais o Madrid obteria a igualdade graças a perfeita cobrança de falta de Mesut Özil.

Após os empates, nada mudou no grupo e o City agoniza à beira da morte.

Classificação:

Grupo D

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  Borussia Dortmund 4 2 0 0 0 2 0 2 2 0 6 4 2 8
2  Real Madrid CF 4 1 1 0 1 0 1 2 1 1 10 7 3 7
3  AFC Ajax 4 1 0 1 0 1 1 1 1 2 6 8 -2 4
4  Manchester City FC 4 0 2 0 0 0 2 0 2 2 6 9 -3 2

 

 

GRUPO A:

 

Dynamo Kiev 0x0 FC Porto

Kiev, Ucrânia

O Porto foi à Ucrânia e garantiu ponto que o manteve na liderança do grupo no único 0x0 da rodada.

 

Paris Saint-Germain 4×0 Dinamo Zagreb

Paris, França

Zlatan Ibrahimovic não marcou, ainda assim forneceu munição em três assistências para os gols da 2ª etapa do PSG em Paris, tendo sido considerado, por isso, o melhor em campo.

Alex e Ibra

O saco de pancadas Dinamo Zagreb está eliminado da UCL.

Classificação:

Grupo A

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  FC Porto 4 2 0 0 1 1 0 3 1 0 6 2 4 10
2  Paris Saint-Germain FC 4 2 0 0 1 0 1 3 0 1 10 2 8 9
3  FC Dynamo Kyiv 4 1 1 0 0 0 2 1 1 2 5 7 -2 4
4  GNK Dinamo Zagreb 4 0 0 2 0 0 2 0 0 4 0 10 -10 0

 

 

 

GRUPO B

 

Schalke 04 2×2 Arsenal FC

Gelsenkirchen, Alemanha

O Arsenal havia sido derrotado em Londres pelo Schalke 04 por 2×0. Tentou dar o troco em Gelsenkirchen, atingia seu objetivo até o final do 1º tempo, mas tudo mudou com o gol de Klaas Jan Huntelaar.

Huntelaar marca no final do 1º tempo e inicia recuperação do Schalke 04 em Gelsenkirchen

Jefferson Farfán empataria, mas o Arsenal foi seguro em suportar pressão dos anfitriões no 2º tempo.

 

Montpellier HSC 1×2 Olympiacos

Montpellier, França

Gol nos acréscimos de Konstantinos Mitroglou deu importante vitória para o Olympiacos grego, embolando a briga pelas duas vagas do grupo e eliminando o campeão francês Montpellier da competição.

Classificação:

Grupo B

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  FC Schalke 04 4 0 2 0 2 0 0 2 2 0 8 5 3 8
2  Arsenal FC 4 1 0 1 1 1 0 2 1 1 7 6 1 7
3  Olympiacos FC 4 1 0 1 1 0 1 2 0 2 7 7 0 6
4  Montpellier Hérault SC 4 0 0 2 0 1 1 0 1 3 5 9 -4 1

 

 

 

GRUPO C

Anderlecht 1×0 Zenit

Bruxelas, Bélgica

Em Bruxelas, o Anderlecht devolve na mesma moeda a derrota sofrida em São Petersburgo há duas semanas.

O gol foi marcado pelo congolês Dieumerci Mbokani após jogada com o meia estadunidense Sacha Kljestan.

No Zenit foi sentida a ausência do brasileiro Hulk.

 

AC Milan 1×1 Málaga CF

Milão, Itália

O Málaga obteve classificação antecipada para as oitavas de final da UCL ao empatar com o limitado Milan no Estádio San Siro.

Málaga sai na frente em Milão. Retrato da temporada.

Na melhor chance que tiveram, os espanhóis marcaram com o português Eliseu Pereira.

O Milan luta com suas limitações de elenco e apenas conseguiu empatar em casa com gol de cabeça de Alexandre Pato.

Para o Milan, o resultado serviu apenas para manter a classificação em suas mãos unicamente.

Pato marca para empatar no San Siro

Já o Málaga continua a fazer grande papel na temporada, apesar dos problemas financeiros do clube.

Classificação:

Grupo C

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  Málaga CF 4 2 0 0 1 1 0 3 1 0 8 1 7 10
2  AC Milan 4 0 2 0 1 0 1 1 2 1 4 4 0 5
3  RSC Anderlecht 4 1 0 1 0 1 1 1 1 2 1 4 -3 4
4  FC Zenit St Petersburg 4 1 0 1 0 0 2 1 0 3 3 7 -4 3

 

 

 

GRUPO E:

Chelsea FC 3×2 Shakhtar Donetsk

Londres, Inglaterra

Em grande partida em Londres, o Chelsea precisou de falha do goleiro Andriy Pyatov, golaço de Oscar e gol tardio de Victor Moses para derrotar a destemida equipe do Shakhtar Donetsk.

Oscar arremata para fazer golaço

Sem a tradição e sem o orçamento dos gigantes europeus, o time ucraniano do Shakhtar Donetsk, repleto de brasileiros, tem demonstrado coragem ofensiva já de outras temporadas, independente da grandeza do adversário.

Willian na mira do futebol inglês

Nesta quarta-feira, em Stamford Bridge, diante do Chelsea, não foi diferente e não é exagero dizer que o time do técnico romeno Mircea Lucescu igualou as ações e, por diversos momentos, até foi melhor que os anfitriões.

Os destaques dos visitantes ficaram por conta dos brasileiros Fernandinho e Willian.

Victor Moses ovacionado com gol no final

O Chelsea necessitou do oportunismo de Fernando Torres ao forçar o erro do goleiro Pyatov, da classe do craque Oscar ao acertar chute de longa distância em voleio após rebote do próprio goleiro Pyatov e, finalmente, da dramática oportunidade derradeira em cobrança de escanteio seguida de cabeceio perfeito do nigeriano Victor Moses.

Vitória que tirou a liderança da boa equipe do Shakhtar que necessita ter mais malícia em campo para concretizar o que constrói com competência.

O brasileiro Willian já colhe frutos do bom futebol apresentado e notícias provenientes da Inglaterra dão conta que Chelsea e Tottenham brigarão para trazê-lo para as terras da rainha.

 

Juventus 4×0 Nordsjaelland

Turim, Itália

Demorou mas chegou. Após três empates, a Juventus obteve sua primeira vitória na UCL ao bater o Nordsjaelland sem dificuldades em Turim.

Juventus: a primeira vitória finalmente

A partida foi definida logo no 1º tempo com gols de Claudio Marchisio, Arturo Vidal e Sebastian Giovinvco. Fabio Quagliarella fechou o placar na etapa final.

Teria valido o 2º lugar no grupo não fosse a vitória do Chelsea ao apagar das luzes. De qualquer forma, os campeões italianos estão na disputa por vaga.

Classificação:

Grupo E

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  FC Shakhtar Donetsk 4 2 0 0 0 1 1 2 1 1 7 5 2 7
2  Chelsea FC 4 1 1 0 1 0 1 2 1 1 10 6 4 7
3  Juventus 4 1 1 0 0 2 0 1 3 0 8 4 4 6
4  FC Nordsjælland 4 0 1 1 0 0 2 0 1 3 1 11 -10 1

 

 

 

GRUPO F:

Valencia CF 4×2 BATE Borisov

Valência, Espanha

O Valencia recebeu o BATE Borisov da Bielorrússia e teve que trabalhar para garantir a vitória em casa por 4×2 e manter a liderança do Grupo F pelos critérios de desempate.

Valencia sofre mais que esperado para vencer

O destaque foi o francês Sofiane Feghouli que marcou duas vezes.

 

FC Bayern 6×1 Lille OSC

Munique, Alemanha

Em verdadeiro passeio na Allianz Arena, o Bayern fez 6×1 no enfraquecido Lille com destaque para o “hat trick” do peruano Cláudio Pizarro.

Cláudio Pizarro faz “hat trick” no passeio do Bayern

Além da goleada, o Lille levou de volta para a França a eliminação na UCL.

Classificação:

Grupo F

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  FC Bayern München 4 2 0 0 1 0 1 3 0 1 10 5 5 9
1  Valencia CF 4 2 0 0 1 0 1 3 0 1 10 4 6 9
3  FC BATE Borisov 4 1 0 1 1 0 1 2 0 2 8 9 -1 6
4  LOSC Lille 4 0 0 2 0 0 2 0 0 4 2 12 -10 0

 

 

 

GRUPO G:

Celtic 2×1 FC Barcelona

Glasgow, Escócia

Celtic conquista vitória histórica sobre o Barcelona por 2×1 no Celtic Park de Glasgow colocando fim à invencibilidade de Tito Vilanova e impondo a primeira derrota ao Barça na fase de grupos em três anos.

Momento de joia do Celtic em Glasgow

Os anfitriões saíram na frente com gol de cabeça de Victor Wanyama após escanteio aos 20 minutos de jogo.

Somente após o gol inaugural o Barcelona acordou para o jogo. Lionel Messi e Alexis Sánchez perderam oportunidades.

Rod Stewart chora no Celtic Park

No 2º tempo, a pressão catalã intensificou-se e os anfitriões tiveram que suportar momentos terríveis tem em seu campo.

Apesar da pressão, o Celtic ampliaria com Anthony Watt.

O Barcelona somente teve tempo de diminuir com Lionel Messi ao aproveitar chute de Pedro Rodríguez.

Vitória emocional do Celtic que levou fãs ilustres, como o cantor Rod Stewart, às lágrimas no dia em que o clube escocês completava 125 anos de idade.

 

Benfica 2×0 Spartak Moscou

Lisboa, Portugal

O paraguaio Oscar Cardozo marca duas vezes, vence em Lisboa e recoloca o time português na disputa por vaga para as oitavas de final.

Classificação:

Grupo G

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  FC Barcelona 4 2 0 0 1 0 1 3 0 1 8 5 3 9
2  Celtic FC 4 1 1 0 1 0 1 2 1 1 6 5 1 7
3  SL Benfica 4 1 0 1 0 1 1 1 1 2 3 4 -1 4
4  FC Spartak Moskva 4 1 0 1 0 0 2 1 0 3 6 9 -3 3

 

 

 

GRUPO H:

Braga 1×3 Manchester United FC

Braga, Portugal

O Manchester United perdia até os 35 minutos do 2º tempo, mas conseguiu virada com três gols marcados pelos artilheiros do time: Robin Van Persie, Wayne Rooney e Javier “Chicharito” Hernández.

O United manteve campanha perfeita após as quatro rodadas da Champions.

 

CFR Cluj 1×3 Galatasaray

Cuj-Napoca, Romênia

Os turcos do Galatasaray foram à Romênia e contaram com “hat trick” do artilheiro Burak Yilmaz para vencer por 3×1 e embolar a briga pela segunda vaga no Grupo H.

Classificação:

Grupo H

 

Casa

Fora

Total

 

 

Clubes

J

V

X

D

V

X

D

V

X

D

GM

GS

DG

Pts

1  Manchester United FC 4 2 0 0 2 0 0 4 0 0 9 4 5 12
2  Galatasaray AŞ 4 0 1 1 1 0 1 1 1 2 4 5 -1 4
3  CFR 1907 Cluj 4 0 0 2 1 1 0 1 1 2 5 6 -1 4
4  SC Braga 4 0 0 2 1 0 1 1 0 3 5 8 -3 3

Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *