Folha seca: Sem o maestro, com maestria

Um ”novo” Santos entrou em campo para partida contra o Goiás no Pacaembu, visando as primeiras colocações. O santista deve estar se perguntando, como assim um ”novo” Santos ?

Eu explico: a equipe campeã Paulista e da Copa do Brasil já não é mais a mesma, André, Robinho e Wesley deixaram o clube e Paulo Henrique Ganso, depois de grave lesão, ficará 6 meses afastado. Além disso, a equipe conta com a chegada de Keirrison que ainda busca a melhor forma física e Rodrigo Possebon cotado para substituir o versátil Wesley.
5281670

O esquema com três atacantes foi o mesmo, apenas com novas peças. Zé Eduardo, Neymar e Keirrison formaram a ineficiente ofensiva santista no primeiro tempo. Parece que a ausência do nosso maestro foi sentida inicialmente e a equipe praticamente não assustou o goleiro Harlei, a não ser um gol incrível perdido por nosso candidato a camisa 9, Keirrison.

Com a entrada de Mádson na segunda etapa, os alvinegros intensificaram seu volume de jogo e logo teve uma chance de abrir o placar. Zé Eduardo foi derrubado na área, Neymar bateu e perdeu mais um penâlti esse ano, ao todos são 8 cobranças e apenas 3 tentos convertidos.

O Santos precisava de um jogador decisivo para mudar o rumo da partida e o nome da vez foi Zé Eduardo, aliás vale uma menção ao bom futebol que o atacante tem apresentado nos últimos jogos, o golaço de voleio nessa partida apenas confirmou tudo isso.

O gol incendiou os 20 mil santista presentes e a equipe não demorou para ampliar. Alan Patrick, o possível sucessor de Ganso, acertou uma bomba de fora da área e deu números finais a partida. A vitória mostrou a força do elenco santista e fez a equipe encostar na ponta de tabela, atrás apenas de Fluminense e Corinthians.

Confesso que sai do Pacaembu satisfeito com a atuação da equipe e cheio de esperança para o restante da temporada, empolgado ainda acompanhei o coro da torcida: ”Ole le Ola la segura Fluminense que o Santos vai chegar”.

O planejamento e a postura da diretoria e da equipe nesse histórico ano de 2010, nos faz acreditar que o sonho da tríplice coroa continua vivo !

Pra cima deles Santos !


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

One thought on “Folha seca: Sem o maestro, com maestria”

  1. Pois é, concordo totalmente, o planejamento do ano está dando show em todos, especialmente na turma bambi… e o presidente foi devidamente aplaudido, eu fiquei na área dos sócios, quando ele chegou foi uma festa só….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *