CRISE?

É o sonho de consumo de todo torcedor. Que aqueles maus momentos pelos quais o time do coração passa cedo ou tarde no mundo da bola sejam semelhantes ao do Barcelona.

Aexis Sanchez: destaque com dois gols

Sim, o Barcelona andou em crise provocada por resultados aquém do esperado obtidos contra equipes médias e nanicas do futebol espanhol.

Situação que culminou no último final de semana quando os catalães foram a Pamplona e perderam por 3×2 para o Osasuna e deixou o Real Madrid com 10 pontos de vantagem na Liga.

Esta é a crise do Barça: derrotar o Bayer Leverkusen por 3×1 na Alemanha e colocar quase que ambos os pés nas quartas de final da UEFA Champions League.

Verdade que a equipe de Josep Guardiola não está no seu apogeu técnico, até que correu algum risco, mas fez o suficiente para vencer por placar mais que seguro para o jogo da volta e, para não perder o hábito, apresentou 72% do tempo de posse de bola.

A porteira foi aberta com o lançamento de Lionel Messi para Alexis Sanchez abrir o placar no final do 1º tempo.

O Leverkusen foi corajoso na 2ª parte, lançou-se ao ataque e obteve o empate através de gol de cabeça de Michal Kadlec.

Três minutos mais tarde, Alexis Sanchez desempatou para o Barça.

A equipe local ainda tentaria mais duas vezes com chute na trave de Gonzalo Castro e Stefan Kiessling.

Aí Messi veio com sua mágica. Em jogada pela direita, driblando os zagueiros acertou a trave.

O argentino tentaria novamente em jogada vertical com chute cruzado para defesa de Bernd Leno.

O gol final viria com jogada pela direita de Daniel Alves que, sem individualismo, cruzou para Messi que concluiu.

Vitória que praticamente classificou o Barça.

 

Olympique Lyon x APOEL

 

Jogando no Stade de Gerland de Lyon, os anfitriões tiveram que enfrentar retranca do time de Nicósia e conseguiram apenas um gol que veio somente na 2ª etapa através de Alexandre Lacazette.

Michel Bastos teve boa atuação.

O problema fica por conta da pouca vantagem que os franceses levarão para o Chipre no jogo da volta.

O APOEL é uma equipe repleta de brasileiros que podem surpreender assim como fizeram na fase de grupos da UCL.


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *