CHELSEA DERRUBA INVENCIBILIDADE DO CITY

Com grandes atuações de Daniel Sturridge e Didier Drogba, a equipe do Chelsea derrotou, de virada, o líder da Premier League, o Manchester City, por 2×1 em Stamford Bridge, Londres, no encerramento da 15ª rodada.

Bem que o City tentou mostrar poder de fogo logo no início do jogo. Mario Balotelli abriu os serviços logo aos 2 minutos.

Daí em diante, o jogo permaneceu truncado até os 34 minutos, quando Sturridge executou bela jogada pela direita sobre Gael Clichy e cruzou para Raul Meirelles fuzilar para o gol.

 

Momentos decisivos na 2ª etapa.

Clichy é expulso aos 15 minutos ao levar o segundo cartão amarelo após falta sobre Ramirez. Dia para ser esquecido pelo francês que deixaria a equipe com 10 jogadores e não ter conseguido parar a jogada do gol de empate do Chelsea.

Aos 35 minutos, Joelon Lescott intercepta cruzamento de Sturridge com o braço dentro da área. Pênalti para o Chelsea convertido por Frank Lampard que, aos 33 anos, mostra qualidade e capacidade de decisão.

Vitória do Chelsea que fez a equipe de André Villas Boas diminuir para 5 pontos a distância para a liderança.

Já o City definitivamente vive momento de inferno astral na temporada. A perda da invencibilidade no campeonato nacional vem logo após eliminação na Champions League. Resta aos comandados de Roberto Mancini vencer o Arsenal na próxima rodada e despachar a má fase. Ao menos a liderança ainda permanece nas mãos do time com 36 pontos. O Chelsea é o 3º colocado com 31.

Só que a diferença do líder para o vice-líder, Manchester United, caiu para 2 pontos. O rival local venceu o Wolverhampton por 4×1 em casa com grande atuação da dupla Nani e Wayne Rooney. São 36 pontos para os “Red Devils” na tabela.

“Quem te viu e quem te vê!” Esse é o Arsenal. Após o já comentado desastre dos 8×2 sofridos contra o Manchester United no início da temporada, eis que a equipe de Arsene Wenger alcança o G5 inglês com a vitória sobre o Everton por 1×0 com golaço de Robin Van Persie.

Vitória repleta de simbolismos, pois era dia do 125º aniversário do clube londrino. O belo gol de Van Persie premiou os festejos e garantiu 29 pontos para o time.

Já o Tottenham foi a Stoke-on-Trent e se deu mal ao perder por 2×1 para o Stoke City.  Os Hotspurs ficam nos mesmos 31 pontos.

E para encerrar os comemorativos de aniversário do Arsenal, nada melhor que rolar um som de torcedor ilustre dos “Gunners”, o Sr. John Lydon, também conhecido como Jonnhy Rotten, ex-Sex Pistols, com o seu PIL, mais precisamente a conhecida “Rise”. Só conferir.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=wzNjmIWbns4[/youtube]


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/t990olqj3thq/public_html/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *